Últimas Postagens

Quatro erros inadmissíveis cometidos em portfólios fotográficos

Será que você não anda cometendo um desses erros em seu site? 

Artigo traduzido do Fstoppers

A primeira impressão é tudo, e seu website é com frequência sua primeira chance de passar uma ótima impressão para um cliente ou fã em potencial. Infelizmente a maioria dos sites é bastante grosseira. Vou tentar  pular o óbvio e evitar abordar a importância de um design legal, um ótimo trabalho. Ao invés disso foquemos em algumas das coisas que são bem menos óbvias mas também superimportantes no que se trata de começar com seu melhor pé.

1. Seu site carrega uma galeria inteira antes de exibir a primeira imagem

Velocidade de carregamento é um ponto crítico. Quanto mais você força o usuário a esperar antes de mostrar-lhe o conteúdo que ele busca, mais provável perdê-lo antes que o conteúdo sequer apareça. Um dos maiores erros que muitos sites de fotografia cometem é quando um internauta visita uma galeria e esta apresenta uma barra bacana enquanto pré-carrega mais de 20 fotos em alta qualidade na galeria. Essa é uma maneira dantesca de desacelerar consideravelmente seu site e frustrar quem o visualiza. No lugar disso procure por um template ou sistema de galeria que carregue apenas a primeira e talvez a segunda imagens, e só após isso carregar em segundo plano as seguintes, enquanto o visitante olha as primeiras.

Outra coisa: esteja certo de que suas imagens estão otimizadas para web para ficarem ótimas, mas não atole o carregamento com dados demais. Recomendo utilizar um compressor de JPGs alternativo para comprimir o quanto suas imagens permitirem sem sacrifício visível na qualidade delas. Pessoalmente uso o ImageOptim, que me parece comprimir de longe melhor que o recurso Save for Web do Photoshop, sem sacrificar a qualidade.

2. Você faz o usuário penar para encontrar suas fotos

Não faça nunca com que o usuário tenha que caçar seu trabalho. Forçá-lo a arrastar seu cursor através de categorias vagas, e daí subcategorias, e por aí vai é uma experiência frustrante para ele. Se você tiver muitas imagens que necessitem de uma organização multicamadas, você está fazendo algo errado. Eu não recomendaria mais que três ou quatro categorias diferentes que sejam acessíveis através da navegação principal de seu site. Ver seu trabalho não deve nunca levar mais que um clique a partir de sua página inicial.

3. Você cria a ilusão de ser muito maior do que é

O instinto de propagandear-se como um fotógrafo superestelar que viaja pelo mundo produzindo sessões fabulosas pode ser bem tentador, mas na verdade será uma âncora em sua marca se for uma mentira. Clientes locais e menores podem impressionar-se, mas também ficarem intimidados. A imagem de um superstar passa aos clientes menores a impressão de que você é muita areia pro caminhãozinho deles. Além disso, clientes maiores para os quais um celebrado fotógrafo internacional poderia de fato trabalhar já sabem se você é um desses ou não, então se você pretende ser um quando não o é, só serve para passar a primeira impressão de desonestidade.

Faça seu nome como o fotógrafo que é. Não ponha “fotógrafo internacional” a não ser que viaje frequentemente pelo exterior para clientes que lhe paguem. No lugar disso, passe a publicar sua localização de forma que os clientes em sua área sintam-se confortáveis em contratá-lo. E o mais importante: não faça os clientes pularem através de argolas para contatá-lo, ao invés de tornar o processo de contato o mais descomplicado possível. Dê-lhes um e-mail e um número de telefone, não os deixe nervosos com formulários de contato e CAPTCHAs.

4. Seu site é um desastre em dispositivos móveis

Não estamos em 1999, a Web mudou. A maioria dos usuários estão navegando mais em dispositivos móveis do que em desktops. Seu site será provavelmente utilizado por móveis mais de 60 por cento do tempo; você não pode teimar em ter um site que roda apenas em desktop. Já se foi o tempo em que um site que dimensionava-se ‘OK’ poderia fazer o trabalho. Os móveis necessitam tanto ou ainda mais serem considerados prioritários quanto seu site em tamanho total. Vá olhar seu site agora no telefone: ele fica com uma cara incrível? Se não, você precisa fazer mudanças já.

Conclusão

Ter um ótimo site é mais do que alcançar a todos nestes dias. Você não tem mais desculpas para não ter um site bacana que dê uma bela primeira impressão. Arregace as mangas e esteja certo de que seu site permite às imagens falarem. Não faça um site horroroso rebaixar outro portfólio sensacional. Você tem o poder, use-o!

_____

Ryan Cooper é um fotógrafo medianamente maníaco por retratos/cosplay da gloriosa Vancouver, no Canadá.

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado. Required fields are marked *

*