Últimas Postagens

Dicas de como Fotografar Eventos Corporativos

dicas-como-fotografar-eventos-corporativos-rvk2

 

A fotografia corporativa sempre tem uma aura mais séria e sofisticada e, por isso, é necessário seguir algumas técnicas específicas. Entretanto, esse tipo de sessão fotográfica não precisa ser assim tão séria. Pelo contrário, é possível realizar um bom trabalho no âmbito empresarial sem deixar o artístico de lado.

Especializado nesse ramo e sempre prezando pelos trabalhos conceituais, o fotógrafo corporativo Rogério von Krüger nos dá algumas dicas de como garantir que um evento empresarial seja registrado da maneira menos clichê possível.

Conheça o local a ser fotografado

dicas-como-fotografar-eventos-corporativos-rvk5

“Somos contratados não apenas para fotografar os colaboradores de alguma empresa, pelo contrário, muitas vezes sou solicitado para fazer coberturas de eventos específicos, obras em andamento, processo de produção, inaugurações, entre outros. Então, se tivermos como conhecer o local antes, e nem precisa ser muito antes, pode ser um reconhecimento geral por alguns minutos, já aumenta a facilidade de pensar nos melhores ângulos e no que podemos fazer naquele local, criativamente falando”, acredita Rogério.

Crie um clima de naturalidade

dicas-como-fotografar-eventos-corporativos-rvk3

Num ambiente corporativo sempre há pessoas e é muito importante que se crie um clima de naturalidade para evitar exatamente o que tem transbordado nas fotos empresariais: um engessamento desnecessário.

O ideal seria que os funcionários agissem como se não estivessem sendo fotografados, mas isso é muito difícil. Portanto, o fotógrafo deve tentar amenizar a situação e deixar todo mundo à vontade, encorajando-os a trabalhar normalmente.

Aconselhe o seu cliente

dicas-como-fotografar-eventos-corporativos-rvk6

Muitas empresas ainda têm preconceitos no que diz respeito às fotos que não seguem o padrão. “Não estou defendendo que um tipo de fotografia é melhor que outro, até porque no nosso ramo não existe certo ou errado, mas quem decide fazer esse tipo de trabalho tem que estar preparado para os clientes que não querem algo que fuja do padrão corporativo. Aí, fica a seu critério ceder às exigências ou tentar convencê-lo de que fotos mais conceituais podem ser a melhor opção. Nesse momento, é preciso trabalhar o poder de argumentação”.

Se preocupe com a iluminação adequada

dicas-como-fotografar-eventos-corporativos-rvk1

Superados os primeiros passos, agora a questão fica um pouco mais técnica. Essa dica se encaixa um pouco no que falamos no início. Durante esses minutos de reconhecimento do local a ser fotografado, observe o padrão de iluminação para que uma sessão inteira não seja prejudicada por causa de um ajuste mal pensado.

Siga seu instinto

dicas-como-fotografar-eventos-corporativos-rvk4

Para terminar, von Krüger aconselha: “Passamos o tempo todo dizendo para ignorar os clichês, mas logo a última dica é bem clichê! Sim, siga seus instintos sobre o trabalho, sobre o local, sobre as pessoas. Deixe que seu olhar artístico fale mais alto. Porém o mais importante de tudo é seguir o seu instinto na hora de decidir que tipo de trabalho corporativo você deseja fazer”.

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado. Required fields are marked *

*